Free Translation Widget

Home

Loja Virtual

Apostilas

Cadastre-se

Contato

 

::: MENU :::

 » A Umbanda

 » Os Orixás

 » Entidades e Falanges

 » Linha do Oriente

 » Sincretismo

 » Exú e Pomba-Gira

 » Zé Pelintra

 » As Ervas na Umbanda

 » Defumador

 » Fumo e Bebidas

 » Mediunidade

 » A Glândula Pineal

 » Os Chacras

 » Mensagens

 » Artigos

 » Orações e Preces

 » Rezas e Benzeduras

 » Temas Variados

 » Pontos Cantados

 » Letras de Pontos

 » Pontos Riscados
 » Datas Comemorativas
 »  Apostilas
 » Campanhas
 » Cadastre-se

::: AVISO :::

::: CONFIRA :::

 

::: IMPORTANTE :::

 

 

::: PARCERIAS :::

::: Visitas desde 15/10/2007 :::

 free counters

 


UMBANDA - A BANDA DO UM

 

 

Autor: Lara Lannes

Equipe Genuína Umbanda

 

A Umbanda, e o seu significado, sem pretensão de estabelecer outro conceito sobre nossa religião. Mas, breves considerações e pensamentos acerca do assunto e, diante das palavras ditas por Pai Antônio certa vez de que a “Umbanda não veio para dividir, mas para somar, para acrescentar conceitos ao que já havia”. E, por ser universalista, reúne nela conceitos de todas as demais religiões. Ela carrega aspectos do Catolicismo, do Espiritismo, do Budismo, do Hinduísmo, do Esoterismo, do Candomblé e todas as outras correntes religiosa-doutrinárias e, a meu ver, torna-se um só lema: “ Banda do Um”.

 

O número Um é absoluto, é um número natural, pois encerra em si somente ele, ou seja, em termos matemáticos, somente pode-se dividir por ele mesmo, e a Umbanda também é assim. Ela é a Banda do Um, do Absoluto. Ela não discrimina e nem exclui, ela agrega. E agregando, ela se torna única, absoluta, abarcando todos os demais conceitos religiosos e tornando-os UM só em sua prática.

 

O trabalho de nossas entidades espirituais deriva do aspecto único da CARIDADE, que tem como verdadeiro sentido, como a entende Jesus, “de benevolência para com todos, indulgência para com as imperfeições alheias, perdão das ofensas." (Resposta dos Espíritos Superiores à pergunta 886 de O Livro dos Espíritos).

 

O Amor e a Caridade são o complemento da lei de justiça, porque amar ao próximo é fazer-lhe todo o bem possível, que desejaríamos que nos fosse feito. Tal é o sentido das palavras de Jesus: "Amai-vos uns aos outros, como irmãos". Esse é o verdadeiro motivo dos que militam dentro da UMBANDA. É o que nos move na nossa prática diária.

 

Somos Um com DEUS; pois somos partículas emanadas do Criador; somos UM com a BANDA, ou seja, somos um com as linhas da Umbanda. Somos um com nosso Mestre JESUS. O trabalho dos espíritos que nos trazem a Umbanda é UM com todos, com UM objetivo maior que é a prática da caridade pelo amor ao próximo, que se faz UM em seu todo, consoante as palavras de nosso Mestre Jesus, na máxima: “Fazei o bem sem olhar a quem.”


 

 

» Publicidade

 

 

 

» Redes Sociais

 

 

» Campanhas

 

 

 

 

 

Home  |   Apostilas   |   Nossa Loja Virtual   |   Contato

Site desenvolvido por: Genuína Umbanda - Todos os direitos reservados

 

Copyright © 2007-